Em discurso, Bolsonaro nega plano de golpe de Estado e diz que é perseguido

  • BRASIL -
  • 25/02/2024
  • 4812 Visualizações
img

Durante discurso para uma multidão de apoiadores na avenida Paulista, neste domingo (25), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) reafirmou que sempre foi perseguido. Ele também negou que houvesse um plano de tentativa de golpe de Estado. "Levo pancada desde antes das eleições de


2018. Passei quatro anos perseguido como presidente da república, e essa perseguição aumentou a sua força quando deixei a presidência", declarou.


Em outro trecho, Bolsonaro se defendeu das suspeitas de que tentou impedir a posse de Lula. "O que é golpe? Golpe é tanque na rua, é arma, é conspiração, é trazer classes políticas e empresárias para o seu lado. Nada disso foi feito no Brasil" ", falou.


E prosseguiu: "(a acusação de) golpe é porque tem uma minuta de decreto de estado de defesa. Golpe usando a Constituição?


 


Fonte: O Tempo



Parceiros